fbpx
 

Simplifying the US employment-based visas and their paths to green cards

Os Estados Unidos têm sido o principal destino para imigrantes desde 1970, e a Índia foi o principal país de origem desses imigrantes em 2022, ultrapassando a China e o México. Embora o visto H-1B temporário ainda seja o mais comum entre os indianos, ele também é o mais problemático, afirma Shilpa Menon da LCR Capital Partners. Existe uma quantidade limitada de vistos H-1B, que são atribuídos por loteria, de modo que até os trabalhadores mais qualificados têm apenas 30% de chance de obter esse visto. Mesmo com um visto H-1B, os trabalhadores dependem de seus empregadores, então, não conseguem mudar de emprego facilmente. Além disso, o tempos de espera de conversão para um Green Card é muito demorados. Outros vistos norte-americanos, como EB-1, EB-2, EB-3, EB-4 e EB-5, geralmente têm exigências diferentes e períodos de espera mais curtos, e talvez possam ser mais úteis para alguns imigrantes. Por exemplo, o EB-1 é voltado para indivíduos com capacidades notáveis, professores, pesquisadores e alguns empresários de multinacionais. Por sua vez, o EB-2 é voltado para imigrantes com formação avançada e capacidades notáveis, embora os tempos de espera pelo Green Card ainda sejam longos. O Visto EB-5, que demanda que os aplicantes invistam US $800.000 ou US $1.050.000 em um novo negócio nos Estados Unidos que gera pelo menos dez empregos, tem o tempo de espera mais curto, ou seja, de 24 a 36 meses a partir de 2022. Além disso, os portadores dos vistos H-1B podem aplicar simultaneamente para um Visto EB-5. Sendo assim, a partir de 2022, a Índia tornou-se o principal país de origem dos aplicantes para o Visto EB-5.

Leia o artigo aqui.

No Comments

Sorry, the comment form is closed at this time.