Pontos de atenção na imigração com o EB-5

Como  todos os processos imigratórios, o processo de solicitação do Visto EB-5 pode apresentar alguns percalços no caminho até o Green Card. Veja abaixo os principais pontos de atenção que devem ser observados por aplicantes durante o processo de imigração com o EB-5 e depois, já com o Green Card.

Durante a aplicação:

Origem dos Fundos

É muito importante que haja suficiente documentação da comprovação da origem dos recursos a serem aportados no EB-5 para que o processo seja aprovado pelo governo norte-americano. Muitas pessoas tentam revelar o mínimo de informações possível apenas para ter o arquivo retornado com um pedido de informações complementares. É melhor fornecer muita ao invés de pouca informação. Nesta era de alertas de terrorismo e suspeitas sobre lavagem de dinheiro, os examinadores de casos do USCIS requerem uma fonte bem documentada de fundos.

Não há requisitos no tocante à experiência empresarial prévia ou educação. A única exigência é que o aplicante seja credenciado e atenda a determinados padrões de adequação em relação à renda, patrimônio líquido, etc.

Outras tentativas de imigração

Rejeição no passado não desqualifica o candidato, a menos que as razões estejam relacionadas à fraude de imigração ou outros problemas graves. É importante que todos os problemas prévios com imigração dos EUA, antecedentes criminais ou médicos sejam divulgados à LCR Capital Partners e assessoria jurídica antes da aplicação.

Com o Green Card aprovado:

Condenações e abandono do país

Depois de receber o Green Card, existem apenas duas condições necessárias para mantê-lo. Primeiro, você não deve se tornar removível ou inadmissível. A maneira mais comum de fazer isso é para ser condenado por um crime grave. O segundo requisito é que você não deve abandonar os Estados Unidos como residência permanente. Contanto que você não esteja planejando morar em outro lugar, então legalmente você ainda será residente dos Estados Unidos. Problemas podem surgir, no entanto, porque o INS vai tentar julgar a sua intenção por meio de agir.

Viagens internacionais

Para fazer viagens internacionais longas é necessário  solicitar uma autorização de reentrada (em formulário I-131) antes de deixar os EUA. É possível sair antes que a permissão de reentrada seja aprovada. Com tal permissão, você pode voltar para os EUA mesmo depois de um ano fora, até a data de validade estipulada. Autorizações de reentrada são emitidas por dois anos e não é possível renová-las, entretanto é permitido que se retorne para os EUA por um curto período de tempo e solicitar uma nova permissão. A segunda ocorrência dessa permissão de reentrada poderá ser concedida por dois anos, mas as seguintes somente podem ser aprovadas por um ano de cada vez.

Quer saber como evitar problemas na sua imigração para os EUA? Converse com os consultores da LCR!

No Comments

Post A Comment