fbpx
 

O que é investimento direto e investimento indireto do EB-5?

Quando se pensa em mudar do Brasil, um dos primeiros destinos que vem à mente é os Estados Unidos. Existem diversos tipos de vistos que podem ajudar você a conquistar a tão sonhada residência americana. Mas você já pensou na possibilidade de um visto que também funciona para a sua família?

O visto EB-5 é um dos poucos que garante o visto também para a família direta do aplicante (cônjuge e filhos com menos de 21 anos de idade).

Existem duas formas de fazer o aporte para obter o visto EB-5: a forma direta e a indireta.

Como funciona o aporte direto do EB-5?

Com a forma direta, o aplicante fará um aporte mínimo de 1 milhão de dólares em um negócio que ele precisará administrar, gerando pelo menos dez empregos. Além disso, só são considerados os postos de trabalho diretos gerados pelo negócio (“W-2”).

O aplicante vai precisar gerenciar e controlar o próprio negócio, o que o condiciona a morar perto do projeto.

Como funciona o aporte indireto do EB-5?

Com o aporte indireto do EB-5, o aplicante faz todo o processo através de um Centro Regional, que se encarrega de elaborar o plano de negócio do novo empreendimento. O aporte mínimo é de 500 mil dólares (veja mais sobre o aumento do valor do EB-5) em uma “TEA” (área de emprego alvo).

Também, ao se fazer o aporte através de um Centro Regional, são considerados os empregos diretos, indiretos e os induzidos que são gerados pelo novo empreendimento. Por não precisar administrar diretamente o novo negócio, o aplicante e sua família podem morar em qualquer área dos EUA.

Devido à grande complexidade e o alto risco de fazer o aporte de forma direta, a maioria dos brasileiros tem optado por aportar para o programa EB-5 através de um Centro Regional.

Com a LCR Capital, o interessado no visto EB-5 conta com toda a assessoria necessária do processo e seu aporte é feito em um grande projeto imobiliário. Saiba mais sobre o projeto EB-5 da LCR!

Entre em contato com a LCR Capital e tire suas dúvidas sobre o visto EB-5.

No Comments

Post A Comment